Dica de organização

Sabe quando você vai a um Casamento e lhe entregam aquele saquinho super fofo com arroz para jogar nos noivos e você fica com pena de descartar o saquinho quando chega em casa? Pois é! Era isso que acontecia comigo também. ACONTECIA.

Como casei recentemente (só tem pouco mais de 1 ano), ainda lembro como, além de gostoso, é trabalhoso organizar um Casamento, como a gente fica feliz em preparar cada detalhe com carinho para deixar o Grande Dia do nosso jeitinho. E cada fitinha, cada tag, cada embalagem, cada desenho… tudo é pensado e preparado com carinho. Aí eu ficava com isso na cabeça, não conseguia jogar o saquinho fora e ficava juntando um monte deles. Até que eu tive uma ideia.

Quando viajo, sempre levo algumas bijus comigo e, para elas não ficarem perdidas dentro da mala, comprei um porta joia de viagem com uma colega do trabalho. A bolsinha é super prática: tem bolso para brincos, anéis e os cordões ficam no meio dela.

O detalhe é que, dependendo dos cordões, eles ficavam todos embolados na bolsinha. Dava o maior trabalhão desembolar tudo na hora de usar, sem contar os que ficavam amassados. Foi aí que juntei o útil (o porta joia) ao agradável (os saquinhos fofos)! Coloquei os cordões dentro dos saquinhos, como na foto abaixo:

Como não havia pensado nisso antes?! Agora minhas bijus não ficam mais emboladas! 🙂

Espero que tenha curtido a minha dica de organização e não deixe mais suas bijus emboladas quando viajar.

O Sacerdote e a Profetiza

Esses dias ouvi na Rádio 93 FM:

“O homem (marido) é o sacerdote da casa. A mulher (esposa) é a profetiza do lar. Na antiguidade, quando reis eram consagrados, era preciso a presença do sacerdote e do profeta para que o novo rei fosse ungido. O lar que possui um pai sacerdote para interceder e uma mãe profetiza para incentivar, vai gerar reis e rainhas.”

 

Senhor, nos permita ser usados por Ti, para que sejamos sacerdote e profetiza Teus; que nossos filhos pertençam a Ti; que a nossa casa seja um lar que tem o Senhor como Deus; dê forças ao meu esposo para ser o sacerdote que o Senhor deseja para o nosso lar; me dê palavras para incentivar corretamente o(s) príncipe(s) e a(s) princesa(s) que o Senhor nos der como filhos. Amém!

Vanessa V. Imenes de O. Nogueira

Dica de livro :: “Dicas do fundo do baú – soluções caseiras para problemas do dia-a-dia”

O post de hoje é especialmente para jovens senhoras recém casadas como eu. 😉 Às vezes acontecem situações no nosso lar que precisam de soluções rápidas e não temos como buscar conselhos com nossas mães, tias, avós e sogras.

Nas férias de julho, quando fui à São Paulo, visitei a Livraria Cultura e, passeando por lá “só olhando”, não resisti e tive que comprar alguns livrinhos. Um deles é este da foto ao lado: “Dicas do fundo do baú – soluções caseiras para problemas do dia-a-dia”, de Marleine Cohen (Editora Globo). Gente, que livro bom!! Imaginei que ele seria legalzinho, mas não sabia que seria tão bom e útil!

Ele é dividido em 9 capítulos: Segredos de mestre cuca (livre-se de problemas na cozinha); Lar, doce lar (sua casa sempre nova); Espelho, espelho meu (seu corpo mais do que em dia); Bichos & plantas (cuidados essenciais); Arco da velha (o fim de todas as manchas e sujeiras); Bibi & fonfom (dicas de revisão do carro); Ordem nas gavetas (organize sua casa e viagens); Pesos e medidas (conversões na ponta do lápis); e Índice remissivo. Neste último capítulo, se você estiver com um problema, por exemplo, com seu ferro de passar, vá até o índice remissivo, procure a palavra ferro de passar e, ao lado dela, haverão os números das páginas onde a palavra ferro de passar aparece. Prático, não?!

Estou devorando o livrinho! A leitura dele é rápida, de linguagem simples e com dicas super fáceis de pôr em prática. Amei e recomendo!! 😀

COHEN, Marileine
Dicas do fundo do baú : soluções caseiras para problemas do dia-a-dia / Marleine Cohen. -- São Paulo : Globo, 2008.