Post de Carnaval

Jesus não era bonzinho.

As pessoas pregam que Jesus, enquanto homem aqui na Terra, era bonzinho, legal e só operava milagres. Mas JESUS NÃO ERA só LEGAL. Pelo contrário, ele era CHATO. E pra caraca! Sabe porque? Por que ele dizia a Verdade, falava da chegada do Seu Reino e da consequência daqueles que não aceitariam essa Verdade.
Então pra quê ser legal e bonzinho e não levar a Palavra da Verdade aos que te cercam? Pra quê pular Carnaval para ser legal se Jesus não aprovaria isso? Porque ser bonzinho dando um jeito de ser aceito pela sociedade se Jesus estava “se lixando” para isso?
De que adianta postar versículos somente sobre vitória e prosperidade e não falar das consequências de uma vida de pecado?
Para Jesus, o importante é ser verdadeiro, mesmo que isso pareça chato.

E eu quero ser como Jesus.

Aliste-se já!

Peguei no blog da minha amiga Daiane, a Nuvem de Marte.
—-

Ser um soldado no meio cristão significa lutar pelo mundo, de modo que todos possam conhecer a palavra de vida eterna e por meio de nós, serem salvos.

“Quem escolhe a disciplina mostra o caminho da vida, mas quem ignora a repreensão desencaminha os outros.” (Provérbios 10.17)

 

Critérios aos Soldados:

Força

O dicionário define força como: “Toda causa capaz de agir, de produzir um efeito. São forças naturais.”  Somos humanos e isso significa que somos fracos e pecadores, desanimamos com  muita facilidade, porém devemos procurar a força vinda dos céus, pode ser difícil e complicado,  as vezes devemos engoli nosso orgulho e ego para alcançar o alvo.
“Ele se compadece dos fracos e dos pobres, e os salva da morte” (Salmos 72.13)

Santidade

O dicionário define santidade como: “Qualidade daquele ou daquilo que é santo.” e santo: “Essencialmente puro, soberanamente perfeito. Pessoa exemplar, virtuosa, de conduta irrepreensível.” Se devemos ser imitação de Cristo que mesmo vindo ao mundo em forma de homem foi santo, devemos procura constantemente viver em santidade. Peça perdão hoje a Cristo pelos pensamentos maus e comece a busca pela santidade, enquanto há tempo.
“Amados, visto que temos essas promessas, purifiquemo-nos de tudo o que contamina o corpo e o espírito, aperfeiçoando a santidade no temor de Deus.” (2 Corintios 7.1)

Compaixão

O dicionário define compaixão como: “Sentimento de pesar que nos causam os males alheios; comiseração, piedade, dó.” Existem povos com sede e fome de Deus e falta muitos soldados preparados espiritualmente para sair da sua zona de conforto e atender ao ide. Enquanto reclamamos que não temos nada, existem pessoas que realmente não tem nada. E você? Tem amor por essas vidas?
“Quanto lhe for possível, não deixe de fazer o bem a quem dele precisa. Não diga ao seu próximo: ‘Volte amanhã , e eu lhe darei algo’, se pode ajudá-lo hoje.” (Provérbios 3. 27-28)

O dicionário define fé como: “Fidelidade em honrar seus compromissos, lealdade, garantia. Confiança em alguém ou em alguma coisa. Afirmação, comprovação. estar convencido da verdade do que se diz.” Com certeza esse é o tema mais abordado em igreja, não a fé em si mas a falta dela. Em meio aos gigantes deixamos de acreditar e duvidamos da Onipotência, onipresença e onisciência do nosso Senhor, a diferença está que o urso que enfrentamos hoje não se compara ao gigante de amanhã e devemos permanecer firme naquele que começou a boa obra.
“Justiça de Deus mediante a fé em Jesus Cristo, para todos os que creem. Não há distinção” (Romanos 3.22)

Amor

O dicionário define amor como: “Afeição viva por alguém ou por alguma coisa. Paixão, gosto vivo por alguma coisa. Zelo, dedicação.” Sobre tudo o que se faça, faça com amor, pois não há nada que atraia ao coração do Pai, mas do que o trabalho do servo feito com amor e gratidão, pois de nada adianta ações se não colocarmos a nossa paixão no que fazemos.
“Não procurem vingança, nem guarde rancor contra alguém do seu povo, mas ame cada um o seu próximo como a si mesmo. Eu sou o SENHOR.” (Levítico 19.18)
“Assim, permanecem agora esses três: a fé, a esperança e o amor. O maior deles, porém, é o amor.” (1 Coríntios 13.13)

 

Todos nós,  como a geração eleita e escolhida temos o dever de levar a verdade para todos os povos para que possam apreciar da mesma alegria que nós vivenciamos.