Tamanho GG

Abstract stamp or label with the text Big Size written insideUma moça trabalhava em um brechó de um hospital, como voluntária. Certo dia adentrou na loja uma certa “senhora bastante obesa”, e de cara a moça pensou que não tinha nada na loja na numeração dela. Se sentiu apreensiva e constrangida naquela situação, vendo a senhora percorrer as araras em busca de algo que a jovem sabia que ela não encontraria. Ficou angustiada, porque não queria que a senhora se sentisse mal pelo tamanho das peças de roupas, se sentindo excluída implícita. Naquele momento a moça orou a Deus e pediu que lhe desse sabedoria para conduzir a situação, evitando que a cliente se sentisse excluída ou humilhada na sua autoestima. Foi quando o esperado aconteceu. A senhora se dirigiu à jovem atendente e disse tristinha:

 -“Ʌ não tem nada grande, não é?”

E a jovem, sem até aquele momento saber o que diria, simplesmente abriu os braços de uma ponta a outra e lhe respondeu:

-“Quem disse??? Claro que tem!! Olha só o tamanho desse abraço!”

E a abraçou com muito carinho. A senhora então se entregou àquele abraço acolhedor e deixou-se tomar pelas lágrimas exclamando:

-“Há quanto tempo que ninguém me dava um abraço.”

E chorando, tal qual uma criança a procura de um colo, lhe disse:

-“Não encontrei o que vim buscar, mas encontrei muito mais do que procurava”.

E naquele momento, através dos braços calorosos daquela jovem, Deus afagou a alma daquela senhora, tão carente de amor e de carinho.

 

Quantas almas não se encontram também tão necessitadas de um simples abraço, de uma palavra de carinho, de um gesto de amor. Será que dentro de nós, se procurarmos no nosso baú, lá nas prateleiras da nossa alma, no estoque do nosso coração, também não acharemos algo “grande” que sirva para alguém?

 

UM ABRAÇO ” TAMANHO GG” PARA VOCÊ.

 

 

(Autor desconhecido)

Nós e a esponja

Hoje, depois do almoço, estava lavando a louça e vi que a esponja estava velha e a troquei por uma novinha. Não sei se foi melhor ou pior ter feito isso. Esponja nova é  muito ruim!!

Enquanto usava a esponja nova pensei: assim somos nós nas mãos de Deus!

Quando estou toda deformada de tantos pecados, Ele vem, me restaura e fico novinha! Mas, como a esponja nova, preciso trabalhar para “ficar no jeito”.

É verdade! A esponja nova, que nunca foi usada, é dura, não se adapta à panela e muito menos às mãos de quem a está usando. Quando o tempo vai passando e vamos usando a esponja, ela vai amolecendo e ficando melhor. Contudo, se a usamos indiscriminadamente, de qualquer jeito, ela vai ficando deformada, já não limpa mais como antes e tem que ser trocada outra vez.

A nossa vida espiritual é assim. Nos convertemos, Deus nos usa tremendamente em Sua Obra e “ficamos no jeito”, dentro dos moldes do Senhor. Mas o tempo vai passando, a gente vai trabalhando na Casa do Pai, caindo na rotina, fazendo tudo de qualquer maneira e ficamos gastos, sem sentir direito a presença de Deus.

Ainda bem que Ele é misericordioso! Ele não nos descarta como fazemos com as esponjas, mas nos recicla (sim, recicla!) e nos usa novamente até em outras áreas de Sua Casa.

 

Da próxima vez que você usar uma esponja, pense em seu serviço cristão!

Mudança

Esses dias lembrei de um texto que escrevi há algum tempo atrás e resolvi procurá-lo. Depois de um certo tempinho, consegui encontrá-lo nas minhas bagunças. 😀 rs

O texto é de 29 de janeiro de 2008, mas ainda é bem atual. Espero que Deus fale com vc!

 

 MUDANÇA

Quando você sai de uma casa para morar em outra, você deixa de ser morador de um determinado lugar para ser caracterizado como morador de outro, certo? OK. Vamos partir daqui.

Conheci um jovem da mesma idade que eu, com o mesmo cotidiano que o meu e, mesmo assim, “vivia em outro lugar”. Através dele percebi que podia me mudar também. Deus não me deixou quieta enquanto não passei por essa mudança. Glórias a Ele por isso!! 🙂

Você deve estar se perguntando que lugar é esse que resolvi largar tudo para ir. Vou dizer: é o lugar de servo!

O Senhor me  mostrou com a vida daquele jovem que eu poderia fazer minha faculdade em Campo Grande, meu curso no Maracanã, morar em Mangaratiba e, ainda assim, ser sua serva! Admito que ainda me falta tempo, mas o Senhor tem me ensinado a administrá-lo para o Seu louvor e glória. Me mudei do status de “simplesmente crente” para o de serva do Deus Altíssimo.

Depois de minha mudança, minha vida mudou (redundante, mas verdade!! rs). Não só a minha vida, mas a de muitos que me cercam. Alguns coincidentemente e outros através de minha mudança.

Hoje as pessoas me veem com outros olhos; minhas amizades são santas; desconhecidos me reconhecem como filha de Deus; voltei a atuar na Casa do Pai; descobri, sem querer, que o Senhor me queria trabalhando com o Grupo Jovem; (…). Me coloco todos os dias à disposição do Criador para Ele dar continuidade na obra que tem feito em mim.

Não quero dizer com esse texto que sou perfeita. Longe disso!! Senão teria sido transladada para o Céu em vez de modificada! O que quero dizer é que, mesmo com a rotina corrida que levamos, é possível mudar e ser servo; deixar de ser um cara qualquer e ser “o cara” na multidão.

Mudar é preciso!

Que você possa mudar-se dessa casinha simples para se instalar no palácio que Deus tem para você!

Serviço Cristão

O meu Pastor tirou férias e fez uma escala de membros para dirigir os cultos e para levarem a mensagem durante sua ausência. Para o meu desespero e glória de Deus, fui escalada para pregar no dia 28 de fevereiro. Como fiquei nervosa! Passei o mês todo olhando para aquela escala e pedindo a Deus uma Palavra para levar à Igreja. E, na semana do dia 28, assisti ao filme “O Êltimo Samurai” para fazer um trabalho da Pós Graduação. Taí!! Vou falar de serviço cristão! Mas… em culto de domingo?! – eu pensava. Deus foi me dando palavras, a mensagem foi se formando em minha mente e eu relutando com o tema até que não teve outro jeito. Era sobre isso que Deus queria que eu pregasse.

Vou compartilhar o esboço da mensagem com vocês. Espero que edifique tanto a sua vida como edificou a minha e a dos meus irmãos naquele culto.

 _____________________

Você sabe qual é a diferença entre trabalho, emprego e serviço?

  • trabalho – qualquer atividade humana, manual ou intelectual, que visa a produtividade.
  • emprego – é uma atividade remunerada, de caráter formal e permanente, prestado à uma instituição ou pessoa.
  • serviço – é o ato de servir, de ser útil.

SERVIÇO é a melhor palavra para definir quem está a serviço de Deus, pois somos chamados por Ele de servos (Romanos 6.22).

Agora, fazendo o paralelo com o filme que tanto me chamou atenção: a palavra ‘samurai’ siginifica servir. De acordo com o filme, os samurais juravam servir ao Imperador japonês a qualquer custo. Até mesmo se lhes custasse a vida.  Fico pensando… e nós? Será que temos servido a Deus com tanta devoção, com tanto furor?

Em Mateus 25.14-19, Jesus conta a parábola dos talentos, em que um patrão saiu de viagem e entregou nas mãos de seus servos alguns talentos. “O talento poderia ser de ouro, prata ou cobre. Era pesado e medido de acordo com o material que era feito. O valor de um talento romano-ático era de 6 mil denários - o montante que um trabalhador levaria 20 anos para receber. Era esperado que cada pessoa usasse o que recebeu de acordo com suas habilidades.” (A BÍBLIA DA MULHER, 2010) Um dos servos recebeu 5 talentos, outro 2 talentos e outro servo recebeu 1 talento. O cara que recebeu 5 talentos saiu correndo e negociou os talentos que seu patrão lhe confiou e conseguiu dobrar a quantia. O empregado que ganhou 2 talentos, também fez negócios e recebeu mais dois. Porém, o servo que recebeu 1 talento, cavou um buraco e o escondeu. Quando o patrão voltou, perguntou dos talentos que havia confiado aos seus servos. Ficou muito feliz com os empregados que negociaram e dobraram seus talentos, mas quando perguntou dos talentos ao último servo, teve a desagradável surpresa do talento estar escondido no fundo da terra.

Assim é Deus conosco! Cada um de nós nasceu com dons e talentos específicos, dados por Ele. E, como o patrão da parábola, Ele também quer que usemos nossas habilidades na Sua Casa.

Quais são suas habilidades? Como e onde você tem usado cada uma delas?

Às vezes usamos as habilidades que Deus nos deu apenas em nossa vida cotidiana. Deixamos de usá-las na Igreja e ainda acabamos nos “enrolando” tanto com as tarefas diárias ao ponto de não conseguirmos administrar o tempo que Deus nos dá diariamente. O dia tem 24h. Em todas essas horas, com o que você mais gasta tempo? No que tem se esforçado?

A Palavra de Deus nos diz, em Mateus 6.33: “Busque primeiro o Reino de Deus e a sua justiça, e todas as outras coisas lhes serão acrescentadas”. Sim! Você deve estudar, trabalhar, se divertir, mas buscar as coisas de Deus deve ser prioridade!! O resto é bônus!

Em tudo devemos buscar a vontade de Deus para as nossas vidas, agradá-Lo, serví-Lo, atender o seu chamado… Afinal, “nenhum soldado em serviço se envolve em negócios desta vida, porque o seu objetivo é satisfazer àquele que o alistou” (II Timóteo 2.4).

Todos os dias somos convidados a seguir os passos de Cristo, que dedicou sua vida ao Pai. Se Ele é nosso espelho de caráter, se nosso objetivo é ficarmos parecidos com Ele, devemos ‘imitá-Lo’ nessa empreitada também! Qual será a sua resposta a esse convite tão especial?

Que tal começar agradar a Deus hoje mesmo, dedicando sua vida, habilidades e talentos a Ele?

Que o Espírito Santo fale melhor ao seu coração…